quarta-feira, 23 de junho de 2010

Aqui não será mais um


Único se tornou desde o início.
Único será até o fim.
Agora se tornou um vício.
Não sei se conseguirei viver sem ti.


E quando o tempo nos concede,
a irrelevância da distancia,
a saudade aqui cresce,
minha emoção já não mais me engana.


Nos acordes de um violão,
que soa a nossa canção ,
para te provar do amor
que sinto inexplicavelmente,
não é nada comum
Aqui não será mais um .


Aqueles energúmenos
que não sabem o que é respeito,
não sei nem quem são,
não merecem minha atenção,
muito menos meu coração.


Achei em você verdade,
Sinceridade
Hombridade
E o principal
Felicidade!


Não deixarei, que a inveja
Atrapalhe o que é eterno.
Não deixarei que os outros
sem conhecer-nos
magoem-nos com palavras grosseiras.


Não deixarei que nos atinjam
Com figurações sem fundamento,
Faço agora meu contestamento


Não deixarei que o alheio
Estrague o incomum
Aqui meu anjo não será mais um.

2 comentários:

adolescent subjects' disse...

lindo sibi *---*
sem o que dizer, perfeito :D

saudades, beijo gata.

Allison Norberto disse...

MUITO lindo! Ah, se todo mundo soubesse amar e soubesse o que é o amor assim como você. Parabéns!